[resenha] Vende-se Esta Casa

by - janeiro 22, 2018

Produção original da Netflix, Vende-se Esta Casa (The Open House) pode ser classificado como um suspense/thriller que nos remete ao - maravilhoso - Os Estranhos, ao analisarmos a premissa da história, mas passa muito longe de ser tão bem executado. 

O filme conta a história de Naomi (Piercey Dalton) e Logan (Dylan Minette), mãe e filho que sofrem com a perda do pai e, sem meios de arcar com as próprias despesas, se mudam remporariamente para uma casa nas montanhas que está à venda e pertence à irmã de Naomi. A única condição é que os dois saiam da casa aos domingos, quando ocorrem as visitações de possíveis compradores.

Cheio de clichês, a começar pelo já batido recurso de "pessoas que vivem em uma casa isolada", o filme parece feito em um molde pré-pronto de como fazer filmes de terror/suspense. A história envolve pouquíssimos personagens e a maioria deles sequer faz sentido para trama, pois não são aproveitados, desenvolvidos e justificados. Além disso, muitas informações - para não dizer todas - também se tornam pura encheção de linguiça.


Barulhos, sumiços de celular, porões escuros e assustadores... tudo isso faz parte de uma trama de roteiro fraco, cheio de voltas e que após 1h34 minutos, faz nascer o único sentimento possível: frustração.

São poucos os filmes que não gostei e que diria "não assistam"... Vende-se Esta Casa se tornou um deles. Se puder, evite. 

Leia também:

0 comentários

obrigada pelo comentário! respondo e visito todos os links que deixam aqui :)